Compra de colchão à distância é possível: veja quatro dicas para acertar na escolha

Extra
·1 minuto de leitura

RIO - Com as lojas fechadas, as redes especializadas em colchões focam suas vendas nos canais digitais —algumas registram aumento de até 60% no comércio on-line. Mas como como escolher um colchão sem experimentar? Emilly Maia, coordenadora de Treinamento da Ortobom, dá algumas dicas.

1 - Tamanho do colchão

Comece avaliando o tamanho do quarto e qual será o tipo de colchão adequado. Há modelos nos tamanhos solteiro, casal, queen, king e super king. Não se esqueça de avaliar a altura de quem usará o colchão antes de comprá-lo. Se a pessoa for alta, todo o seu corpo deverá permanecer em repouso ao deitar-se, lembrando de fazer essa soma com da metade de comprimento do seu travesseiro.

Também é importante avaliar a altura desejada para o seu novo colchão. Verifique a altura da sua cama e acrescente ao tamanho do colchão, avaliando se a altura final atenderá às suas necessidades.

2- Lembranças da sua história com seu colchão

Procure lembrar, na sua história de vida, se você se adaptou melhor aos colchões de tipos macio ou firme. Depois, se eram de espuma, mola ou caixa ortopédica (os três tipos mais comuns). Dê preferência ao modelo e tipo a que você já se habituou.

3- O colchão é para mais de uma pessoa?

Se o colchão for compartilhado com mais uma pessoa, o ideal é entrar em um consenso sobre o índice de conforto que o usuário prefere entre: macio, intermediário e rígido.

4- Procure na internet

Existem aplicativo com função interativa de como escolher seu colchão, baseado nas informações que você fornece.