McDonald's e Burger King terão que mudar peças publicitárias sobre lanches

Conar sentencia McDonald's e Burger King alterarem peças publicitárias de sanduíches
Conar sentencia McDonald's e Burger King alterarem peças publicitárias de sanduíches
  • A entidade recomendou alteração das peças publicitárias do McPicanha, do McDonald’s, e do Whopper Costela, do Burger King;

  • A decisão veio quase dois meses depois do início da polêmica envolvendo os sanduíches;

  • Tanto o McDonald’s quanto o Buger King já haviam retirado ambas as propagandas de circulação

O Conselho de Autorregulamentação Publicitária (Conar) recomendou a alteração das peças publicitárias do McPicanha, do McDonald’s, e do Whopper Costela, do Burger King, por não terem, de fato, tais ingredientes em sua composição. A decisão foi tomada quase dois meses depois da polêmica sobre os conteúdos dos sanduíches ter ganhado as redes sociais e ter virado até alvo de uma Comissão no Senado.

Muito antes do conselho de ética da entidade ter se reunido na semana passada para debater o conteúdo das propagandas, ambas as redes de fast food tomaram medidas a respeito da comunicação e até mesmo da oferta dos sanduíches. O McPicanha foi retirado do cardápio do McDonalds em todo o país. Já o Burger King pediu desculpas ao público e informou que o sanduíche passaria a ter o nome de Whopper Paleta Suína, para refletir de forma mais correta a sua composição.

Para ambos os produtos, a recomendação do Conar determina que as peças publicitárias das redes de fast food tenham que passar por alteração caso voltem a ser exibidas.

Esclarecimento no Senado

Após convite para esclarecimento enviado pelo Senado Federal no inicio de maio, O McDonald 's enviou uma carta para a casa legislativa para se defender da polêmica envolvendo a composição sanduíche McPicanha. No texto, a empresa diz que o brasileiro está acostumado a consumir produtos que "sejam identificados por nomes que remetam ao sabor, ao aroma e a experiência que oferecem".

"Os materiais publicitários e mídias de divulgação destacaram, assim como a própria nomenclatura, que seriam novos sanduíches, bem como suas especificações e características essenciais, sendo veiculadas informações verdadeiras, corretas e claras quanto à composição dos novos sanduíches - qual seja, hambúrguer de carne 100% bovina, com molho sabor picanha."

Assim como o McDonald’s, o Burger King também enviou uma carta ao Senado para se defender. Através do documento, a rede de fast food disse que a informação de que o sanduíche tinha sabor, mas não o corte da carne de costela, estava disponível durante todo o tempo da comercialização do produtos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos