Em concurso inédito, homens trans disputam a coroa de mais belo do Brasil; conheça os candidatos

·1 minuto de leitura

Eles são de etnias diversas e oriundos dos quatro cantos do país. Possuem, porém, ao menos duas características em comum: são lindos e disputam a coroa do homem trans mais bonito do Brasil. É esse o foco dos 30 jovens que participam da primeira edição do "Mister Brasil Trans", que acontecerá em São Paulo. Segundo os organizadores, para conquistar a primeira posição, é preciso ter bem mais do que um rostinho bonito:

"O objetivo é escolher o homem trans mais bonito. E nos nossos critérios de beleza ser bonito é também ser politizado, empoderado e presente em causas sociais ".

A ideia é contribuir para a quebra de paradigmas em relação à representação da beleza, "sempre direcionada à cisgeneridade, principalmente dentro da indústria da moda". E, com isso, ser mais um pilar na ocupação dos espaços, além de dar visibilidade aos homens trans.

"A eleição de um homem trans enquanto mister, numa esfera nacional, tem como objetivo ressignificar a indústria da moda e abrir novos caminhos e olhares sobre outras representações de beleza", dizem ainda os organizadores.

Os rapazes, durante o concurso, irão mostrar caractéristicas de suas regiões, além explorar "múltiplas identidades, culturas, políticas públicas e ações sociais."

O valor arrecadado com os ingressos será revertido em projetos sociais de apoio a pessoas trans. O concurso acontecerá em novembro, entre os dias 6 e 10. Com presença de público, a final ocorrerá no Teatro Santo Agostinho.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos