Condenado pela morte de empresário Arthur Sendas é preso por descumprir benefício

Carolina Heringer
·1 minuto de leitura

Policiais penais da Divisão de Busca e Recaptura da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) prenderam, nesta quinta-feira, Roberto Costa Júnior, condenado pela morte do empresário Arthur Sendas, em 2008. Ele foi capturado em Irajá, na Zona Norte do Rio.

Roberto teve a prisão decretada pela Vara de Execuções penais (VEP) do Rio em julho do ano passado. Ele cumpria pena pelo assassinato em regime semiaberto, mas não foi encontrado por agentes que realizam fiscalização do benefício no local que deveria trabalhar. Por isso, teve a prisão decretada. A defesa de Roberto está recorrendo da decisão.

Roberto, ex-motorista da familia de Arthur Sendas, foi condenado a 18 anos e quatro meses de prisão pela morte do empresário. Ele foi acusado de atirar na vítima.