Conflito entre Ucrânia e Rússia chega ao 4° mês; Kiev aguarda sinal verde para candidatura à União Europeia

Enquanto a Ucrânia aguarda ansiosamente uma resposta positiva dos 27 membros da União Europeia (UE), reunidos na quinta-feira (23) e sexta-feira (24) em Bruxelas, para que validem o status de país candidato à adesão ao bloco, o conflito com a Rússia entra em seu quarto mês, sem sinais de que possa terminar em breve.

O ministro da Defesa ucraniano, Oleksii Reznikov, anunciou nesta quinta-feira (23) a chegada na Ucrânia dos sistemas de lançamento de mísseis de alta precisão Himars dos EUA, reforçando assim o arsenal militar de seu exército para enfrentar a invasão russa.

Os Estados Unidos anunciaram no início de junho que entregariam à Ucrânia esse sistema, que tem alcance de 80 quilômetros. O Himars não é de longo alcance, mas tem a vantagem de ser muito preciso, superior ao arsenal russo.

“O exército ucraniano está reforçando a defesa na região de Lugansk, que é a área mais crítica no momento”, informa Cléa Broadhurst, enviada especial da RFI para a Ucrânia. “A entrega de armas pesadas vindas dos aliados de Kiev, começando pelos Estados Unidos, tem o objetivo de restabelecer o equilíbrio em um conflito que se prolonga. Os militares no Donbass são unânimes e repetem que precisam ainda de mais armas”, acrescenta a jornalista.

A repórter da RFI passou a última semana na região do Donbass, no leste do país, onde se concentram os combates mais intensos. Ela relata:

A falta de alimentos significa que muitas pessoas morrerão de fome. As populações mais carentes também vão sofrer com os efeitos debilitantes da desnutrição, declarou Sands à AFP.

Custos humanos


Leia mais

Leia também:
Crise alimentar na África é causada "de forma deliberada" pela Rússia, diz Zelensky
Guerra cultural: Ucrânia proíbe música e livros originários da Rússia
“Nasci aqui e vou morrer aqui”: moradores do Donbass se recusam a deixar a região, apesar da guerra

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos