Senado dos EUA aprova pacote ambiental de R$ 2,2 trilhões

Em vitória do presidente Joe Biden, o Senado dos EUA aprovou um pacote ambiental de US$ 430 bilhões. Foto: REUTERS / Elizabeth Frantz.
Em vitória do presidente Joe Biden, o Senado dos EUA aprovou um pacote ambiental de US$ 430 bilhões. Foto: REUTERS / Elizabeth Frantz.
  • Senado dos EUA aprovou neste domingo (7) uma versão reduzida do pacote de leis que o presidente Joe Biden apresentou no começo do mandato;

  • O pacote econômico de US$ 430 bilhões visa projetos socioambientais, tributários e de medicamentos;

  • Montante bilionário não chega perto do valor previsto originalmente, de US$ 3,5 trilhões.

O Senado dos Estados Unidos aprovou neste domingo (7) um pacote de leis de US$ 430 bilhões, o equivalente a R$ 2,2 trilhões na cotação atual, que envolve o combate às mudanças climáticas.

O resultado representa uma vitória para o presidente dos EUA, Joe Biden. Contudo, o montante não chega perto ao valor previsto originalmente, de US$ 3,5 trilhões, cerca de R$ 18 trilhões.

Leia também:

A votação, que foi apertada, começou no final do último sábado (6). Como o Senado é dividido exatamente entre 50 republicanos e 50 democratas, o voto definidor foi dado pela vice-presidente Kamala Harris.

O texto chegou ao escrutínio até este domingo porque dois senadores democratas, Joe Manchin e Krysten Sinema, tiveram discordâncias em relação ao volume de gastos.

Do valor total, cerca de US$ 370 bilhões, o equivalente a R$ 1,91 trilhão, fica destinado a combater as mudanças climáticas. Contudo, há também uma série de medidas tributárias e de medicamentos.

Agora, democratas esperam que a aprovação ajude os candidatos do partido a entrar na Câmara e no Senado nas eleições legislativas marcadas para 8 de novembro.

*Com informações da Reuters.