Conheça Gabriel Martinelli, a maior surpresa da lista de Tite para a Copa

O técnico Tite convocou, nesta segunda-feira, os 26 jogadores que vão representar o Brasil na Copa do Mundo no Catar. Nesta lista, nomes como Bremer, Dani Alves e Alex Telles, que ainda brigavam por uma vaga, foram confirmados. No entanto, a maior surpresa é o atacante do Arsenal, Gabriel Martinelli.

Tabela da Copa: Datas, horários e grupos do Mundial do Catar

Simulador: você decide quem será campeão da Copa do Catar

O jogador de 21 anos, que nasceu em Guarulhos-SP, passou pelas categorias de base do Corinthians. Dos 10 aos 13 anos, migrou do futsal para o futebol de campo e foi um dos principais nomes da base do Timão, com 73 gols em 139 jogos, até deixar o clube por uma decisão familiar. O atleta, então, partiu para Itu e continuou tendo destaque.

Revelado pelo Ituano, Gabriel Martinelli, que somou dez gols e seis assistências, em 31 jogos, se transferiu aos 18 anos para o Arsenal, em 2019, com um acordo de seis milhões de libras (cerca de R$ 30 milhões, na cotação da época) e se tornou o 10º brasileiro na história a vestir a camisa dos Gunners. Anteriormente, passaram por lá Edu Gaspar, Gilberto Silva, André Santos, Denílson, Eduardo da Silva, Gabriel Paulista, Juan, Júlio Baptista e Sylvinho.

Sua ascensão foi meteórica e na primeira temporada pelo Arsenal, foram sete gols nos sete primeiros jogos. Além disso, Martinelli foi artilheiro dos Gunners na Liga Europa ao lado do já consagrado Aubameyang. Seu grande início foi interrompido por uma grave lesão no joelho que o afastou dos gramados por mais de seis meses e do restante da temporada.

O atacante de 21 anos também esteve presente na Seleção Olímpica que conquistou a medalha de ouro, em Tóquio-2020. Nesta temporada, Gabriel Martinelli disputou 18 jogos pelo clube londrino, com cinco gols e duas assistências.

Em março deste ano, Martinelli foi convocado pela primeira vez para a Seleção Brasileira principal para as partidas contra Chile e Bolívia pelas Eliminatórias da Copa do Mundo FIFA de 2022. No entanto, o atacante ainda não marcou pelo time do técnico Tite.

O técnico Tite fez questão de explicar a escolha de Gabriel Martinelli, que venceu a disputa contra Roberto Firmino, do Liverpool, Matheus Cunha, do Atlético de Madrid, e Gabigol, do Flamengo.

— A função do Gabriel Martinelli é de externo, ponta, agressivo. Tem sido um dos destaques do Arsenal. É um jogador do lance individual, transições em velocidade. Esteve conosco, foram duas convocações, e vem mantendo esse alto nível. Precisamos de jogadores agudos e incisivos pelos lados — comentou Tite em entrevista coletiva.