Conheça Javier Olivan, o novo braço direito de Mark Zuckerberg na Meta

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Conheça Javier Olivan, o novo braço direito de Mark Zuckerberg na Meta (Photo by Kimberly White/Getty Images)
Conheça Javier Olivan, o novo braço direito de Mark Zuckerberg na Meta (Photo by Kimberly White/Getty Images)
  • Javier Olivan vai assumir o cargo de Sheryl Sandberg após sua saída da Meta;

  • O executivo manteve um perfil discreto durante seus quase 15 anos na empresa;

  • Olivan ajudou a espalhar a presença do Facebook no exterior.

Um dia após Sheryl Sandberg, o braço direito de de Mark Zuckerberg, anunciar que deixará a Meta, o nome do substituto já é conhecido, trata-se do espanhol Javier Olivan. O executivo de 44 anos, que manteve um perfil discreto durante seus quase 15 anos na empresa, ajudou a espalhar a presença do Facebook no exterior.

O fundador da Meta, Mark Zuckerberg, nomeou Olivan, diretor de crescimento da empresa, para o novo cargo de destaque, mas reconheceu que será “diferente do que Sheryl fez” nos últimos anos, em um post abordando a mudança de liderança .

“Será uma função de COO mais tradicional, onde Javi se concentrará internamente e operacionalmente, com base em seu forte histórico de tornar nossa execução mais eficiente e rigorosa”, disse Zuckerberg.

Olivan não está acostumado a ser colocado no centro das atenções. Enquanto Sandberg construiu um grande número de seguidores nas mídias sociais, escreveu um livro e fez aparições regulares na televisão nos últimos anos, ele permaneceu em grande parte nos bastidores.Por exemplo, sua conta no Instagram é privada e tem apenas 17 seguidores, segundo a CNBC.

Olivan indicou que provavelmente seria menos visível publicamente do que Sandberg enquanto atuava como COO.

“Com algumas exceções, não prevejo que meu papel terá o mesmo aspecto voltado para o público, já que temos outros líderes na Meta que já são responsáveis ​​por esse trabalho”, escreveu ele em um post sobre a mudança.

Olivan herdará a difícil tarefa de ajudar a Meta a se reinventar como uma empresa focada no “metaverso” – após uma série de escândalos que minaram a confiança do público em sua plataforma principal e pesaram no preço de suas ações.

A empresa também decretou recentemente um congelamento de contratações, pois enfrenta a desaceleração do crescimento da receita. Apesar dos ventos contrários, Olivan teve uma ascensão meteórica desde seu humilde começo na pequena cidade de Sabananigo, escondida nas montanhas dos Pirineus, no canto nordeste da Espanha.

Ele deixou a vila nas montanhas e se formou em engenharia elétrica e industrial pela Universidade de Navarra em 2000, antes de se mudar para o exterior para obter seu MBA da Escola de Negócios da Universidade de Stanford.

Olivan ingressou no Facebook em 2007 – quando a novata da mídia social tinha apenas 40 milhões de usuários – como chefe de crescimento internacional após passagens pela Siemens e pela japonesa NTT Data.

À medida que a empresa crescia, Olivan foi promovido a vice-presidente de crescimento e ajudou a liderar a expansão do Facebook em outros países, incluindo Rússia e Índia, segundo a Reuters. Ele agora tem quase 3 bilhões de usuários em todo o mundo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos