Conselheiro do Flamengo aciona STJD contra Renato Gaúcho

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Renato Gaúcho
    Futebolista brasileiro

O conselheiro do Flamengo José Carlos Pereira, o Peruano, entrou com uma notícia de infração contra o técnico do clube, Renato Gaúcho, e seu auxiliar técnico, Alexandre Mendes, por causa do comportamento de ambos durante o jogo do rubro-negro contra o Grêmio. A partida era válida pelo Campeonato Brasileiro e terminou empatada em 2 a 2, após o time carioca estar na frente.

Segundo a petição apresentada por Peruano ao STJD, chamou atenção algumas medidas adotadas pelo primeiro noticiado (Renato Gaúcho) para a pior ideia que se pode ter sobre o comportamento de um profissional de futebol, qual seja, de que estaria atuando contra à própria equipe que defende". Peruano acusa Renato de ter sido apático nas comemorações dos gols do Flamengo e ter feito alterações que desarticularam o time e permitiram "que o adversário empatasse e quase que virasse um jogo em que seu time estava com um jogador a mais em campo".

O conselheiro também lembrou que uma vitória do Flamengo poderia diminuir a diferença para o Atlético-MG diminuir para seis pontos, quando ainda havia nove pontos em disputa. Por fim, Peruano anexou um vídeo em sua petição em que alega que Renato e Alexandre Mendes agiram contra o Flamengo porque retiraram o melhor jogador do time na partida.

Peruano pediu que Renato e seu auxiliar sejam enquadrados nos artigos 81 e 243 do CBJD, que tratam respectivamente, da abertura de inquérito para apurar a existência de infração disciplinar e atuar, deliberadamente, de modo prejudicial à equipe que defende.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos