Conselho de Estado da França proíbe definitivamente uso do burquíni em piscinas de Grenoble

É o fim de uma novela e sem final feliz para Éric Piolle, prefeito de Grenoble, no sudeste da França, que batalhou durante meses para a autorização do maiô para mulheres muçulmanas. A mais alta jurisdição administrativa da França decidiu nesta terça-feira (21) pela proibição definitiva do burquíni nas piscinas públicas desta cidade no pé dos Alpes.

A decisão é final e não pode ser revertida. O Conselho de Estado bateu o martelo sobre a polêmica que agitou os últimos meses na França. Resultado: o polêmico traje de banho que cobre boa parte do corpo, deixando apenas as mãos, os pés e o rosto à mostra, não poderá ser utilizado em Grenoble.

A câmara municipal da cidade havia aprovado em 16 maio um novo regulamento interno para suas piscinas públicas, autorizando não apenas o burquíni, mas também o topless, bermudas de banho e camisetas com proteção solar. A maioria das cidades francesas permite apenas o uso de trajes convencionais, como maiôs, biquínis e sungas.

A decisão chocou parte da classe política francesa, especialmente conservadores. Acionada pelo Ministério do Interior, a secretaria de Segurança Pública de Isère, região onde se localiza Grenoble, contestou a aprovação e recorreu a outro órgão, o tribunal administrativo, que revogou em 25 de maio apenas o artigo número 10 do regulamento das piscinas públicas da cidade, relativo à permissão do burquíni.

Essa não é a primeira vez que o burquíni incita uma forte polêmica na França. No verão de 2016, o traje de banho foi motivo de brigas no litoral sul do país. Várias cidades, administradas por prefeitos de direita, resolveram proibir o uso deste maiô.


Leia mais

Leia também:
Cidade francesa autoriza topless e uso do burquíni em piscinas públicas
Debate sobre uso do burquíni em piscinas incendeia pré-campanha para eleições legislativas na França
“É preciso parar de sexualizar os corpos das mulheres”, diz prefeito de Grenoble, defensor do burquíni

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos