Consumidores lotam os shoppings na Black Friday no Rio

Patricia Valle
1 / 4

Black Friday no Norte Shopping.jpg

Black Friday, no Norte Shopping: data se consolida no varejo

A megaliquidação da Black Friday arrastou milhares de cariocas para os shoppings da cidade para as compras. Quem veio comprar na loja queria fugir da cobrança de frete e ainda negociar melhores condições, como mais parcelamento e desconto à vista. Teve quem tivesse se planejado para conseguir o melhor preço e quem foi pesquisar hoje nas lojas, mas, a maioria conseguiu bons descontos. Os itens mais procurados foram televisão e celular.

O casal Julia da Silva, 23 anos e Rafael Varela, 33 anos  se mudaram este ano e esperaram a data para fazer a maior parte das compras para a casa nova. Compraram televisão, microondas, guarda-roupa, cama e um celular.

— Juntamos um dinheiro para comprar na Black Friday e pesquisamos os preços a mais de um mês para ver onde estaria mais barato e viemos hoje ao Norte Shopping. Conseguimos ótimos descontos, de até 50%. Equilibramos compras à vista e parcelado.

Já Zurema Correa, 69 anos, pagou tudo em dinheiro. Ela economizou R$ 1 mil em moedas de um real para o dia:

— Fui guardando o ano inteiro as moedas para gastar hoje e compensou, consegui economizar bastante.

O setor varejista estava com grandes expectativas para a data, com o início da recuperação da economia e a liberação do saque imediato do FGTS. E as vendas não estão decepcionando.

— A expectativa era muito grande e nos preparamos o ano inteiro para este dia. Estamos dando descontos de até 70% e boas condições de pagamento. Os preços mudam durante o dia, chegando novas ofertas — afirmou Elias Almeida, gerente regional da Via Varejo, dona das marcas Casas Bahia, Pontofrio e do site de e-commerce Extra.com.br.

Segundo Almeida, os itens mais procurados pelos consumidores este ano é televisão e celular, itens em que os descontos têm sido bem agressivos. Tanto, que convenceram até quem não estava pensando em comprar gastar dinheiro.

— Vim ver o que tinha de preço interessante, até pensei em comprar outra coisa, não ia comprar a TV. Mas, quando vi essa de 58 polegadas quase pela metade do preço aproveitei a oportunidade — conta Nilo Antônio Nascimento, de 55 anos.

 

E quem pesquisou e esperou para comprar hoje, não se arrependeu. Jéssica de Queiroz, 30 anos, comprou duas televisões e dois celulares,  para ela e para a mãe.

— Pedi dinheiro emprestado a minha mãe para comprar hoje porque valia a pena. Saiu pela metade do preço. Essa TV, eu acompanhei no último mês e era R$ 2.900 e comprei por R$ 1.500.

E teve quem veio comprar todos os presentes para a família já para o natal, como Rafaelle Souza, que veio com o marido e o filho ao shopping e também comprou presentes para a mãe e a sogra.

— Tem que aproveitar. Vim com a lista pronta. Economizamos mais de 50% em média nos preços dos produtos.