Contra o Macaé, Botafogo faz um dos últimos testes antes da Série B

·2 minuto de leitura

A partida contra o Macaé, neste domingo, às 18h, no Nilton Santos, dará ao Botafogo um fim de abril um pouco mais movimentado antes da disputa da Série B, com início marcado para o final de maio. Já classificado às semifinais da Taça Rio — disputada entre os times que terminarem entre o quinto e oitavo lugar — mesmo sem jogar, o alvinegro evitou um possível fiasco de sair cedo do Carioca e um hiato de mais de um mês sem partidas.

Ainda sem uma data definitiva, a Série B tem início previsto para os dias 28 e 29 de maio, uma semana após o fim do período dos estaduais. Com as derrotas de Resende e Boavista — adversários diretos na briga pela classificação às semis — no sábado, o Botafogo garantiu não só a vaga na disputa secundária do Estadual, como também mais um jogo oficial, pelo menos, antes da estreia no nacional, contra o Vila Nova.

A vitória neste domingo vale ao técnico Marcelo Chamusca um início de temporada ligeiramente menos turbulento. Sob pressão após o desempenho ruim no estadual e a eliminação na segunda fase da Copa do Brasil, o técnico se despediria da primeira fase do torneio com um possível quarto triunfo em 12 jogos na temporada. O Botafogo não vence há cinco partidas.

— Toda vez que vestimos a camisa do Botafogo é decisão, é uma guerra. Encaro essa partida como mais uma guerra. Claro que queríamos estar classificados, brigando pelo título, mas temos que buscar os objetivos que temos na temporada. Precisamos melhorar para o decorrer da temporada, mas acredito que coisas boas estão por vir para nós, porque o trabalho está sendo bem feito — disse o meia Pedro Castro à Botafogo TV.

Recuperado de uma lesão no joelho esquerdo — uma subluxação na patela que o tirou de campo na metade do mês de março —, Castro, uma das principais opções de criatividade para o meio-campo alvinegro, está à disposição de Chamusca.

– Infelizmente tive essa lesão logo no início do campeonato. Não foi uma lesão tão simples, até sair o resultado do exame fiquei apreensivo, mas graças a Deus não foi cirúrgica — comemorou Castro.

O meia, ex-Avaí, é um dos 12 reforços que o clube trouxe para a atual temporada. O alvinegro segue no mercado atrás de contratações antes do início na Segundona.