Contrariando rumores, suposto affair de Gisele Bündchen não viajou com a top e já estava na Costa Rica

Depois de Gisele Bündchen ser flagrada com o lutador de jiu-jitsu Joaquim Valente após um jantar na Costa Rica, fontes próximas à top model ouvidas pelo "Page Six" e o "TMZ" descartaram qualquer possibilidade de romance. Eles alegam que no local do flagra estavam ainda as crianças e outros irmãos do professor de luta, reforçando o caráter amigável do encontro. Mas a pergunta que surgiu na mídia norte-americana foi por qual razão Valente estava na Costa Rica no mesmo período em que a brasileira também estava, semanas após o divórcio dela com Tom Brady?

Os tablóides procuraram ouvir fontes locais. Embora Joaquim Valente tenha residência fixa em Miami, nos Estados Unidos, ele viaja com frequência para a Costa Rica, dizem. O lutador, inclusive, já estaria no país antes mesmo da chegada da gaúcha.

"Esta é a quarta ou quinta vez que eles estão na Costa Rica e isto apenas semanas após o divórcio (de Gisele). Eles estiveram lá muitas vezes e vão continuar indo", disse uma fonte ao "Page Six", do jornal "New York Post", que incluiu ainda que os irmãos Valente viajam com frequência já que os filhos não frequentam escolas externas e são educados dentro de casa.

Uma amiga ouvida pelo programa "E! News" também foi categórica:

Recuperação: Ex-paquita Tatiana Maranhão fará 'reality' para mostrar antes, durante e depois de cirurgia contra lipedema: 'É doença, dói'