Copa América: AGU vai se manifestar de forma oral no STF em defesa do torneio do Brasil

·1 minuto de leitura

A Advocacia-Geral da União vai enviar hoje ao STF uma sustentação oral para defender a Copa América no Brasil. O torneio é alvo de duas ações no Supremo que pedem que ele não seja disputado no país.

O que ainda será decidido ao longo do dia é se a defesa da Copa América no Brasil será feita pelo ministro André Mendonça ou por outro integrante da AGU.

A Corte vai tomar uma decisão nesta quinta-feira em uma sessão extraordinária para tratar com urgência a respeito da realização da competição. O julgamento foi marcado pelo presidente do STF, ministro Luiz Fux, após pedido da ministra Cármen Lúcia, relatora de duas ações sobre o tema, nesta terça-feira.

No entanto, os ministros devem reafirmar que cabe ao Poder Executivo local deliberar sobre as medidas preventivas e de combate à covid-19 ao decidir sobre os pedidos para barrar a realização da Copa América no país, segundo fontes da Corte ouvidas pelo GLOBO. Assim, a Corte não deve impedir o torneio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos