Copa da Itália: disputada por Juventus e Atalanta, final terá público no estádio

·1 minuto de leitura

Marcada para ocorrer no dia 19 de maio, em Régio da Emília, a final da Copa da Itália, disputada pelo Juventus e Atalanta, poderá ocorrer com público no estádio.

O anúncio foi feito pelo subsecretário do Estado para a Saúde, Andrea Costa, que adiantou que a torcida será reduzida.

"Depois de falar com o ministro (da Saúde), Roberto Speranza, confirmo a disposição do governo em abrir o estádio ao público com um limite de 20% da sua capacidade”, declarou Costa à agência italiana AGI.

A porcentagem corresponde, aproximadamente, a 4.700 torcedores no estádio do Sassuolo. Até então, mais de 18,3 milhões de vacinas anti-Covid foram aplicadas na população italiana e, na última terça-feira, o governo local registrou 10.404 casos e 373 mortes.

"O CTC (Comitê Técnico Científico) está estudando o protocolo para permitir que os espectadores cheguem com segurança e acompanhem o jogo com total respeito pela legislação anti-Covid".