Copacabana tem ondas no melhor estilo 'Havaí' na véspera de Natal

Renato de Alexandrino
·1 minuto de leitura

O verão normalmente é uma época de poucas ondas no litoral brasileiro - e o Rio de Janeiro não é exceção. Nesta semana, porém, uma ondulação chegou ao litoral fluminense com força, fazendo a alegria dos surfistas. Na véspera de Natal, uma onda pouco conhecida por muita gente no coração de Copacabana quebrou perfeita, proporcionando imagens impressionantes.

O Shorebreak, como o pico é conhecido, é uma onda que quebra sobre uma rasa bancada de pedras ao lado do Forte de Copacabana, a cerca de 15 minutos da beira da praia.

- É uma das ondas mais perigosas do Brasil. A bancada de pedra é repleta de mariscos afiados, e qualquer erro resulta em cortes e machucados - conta o fotógrafo Affonso Dalle, que registrou os bodyboarders André Paiva, Eric Poseidon e Leo Leite em ação nesta quinta-feira.

- O visual é incrível, com ondas com uma força difícil de se encontrar em outros lugares. Eric Poseidon pegou a maior onda da sessão, uma onda de extrema dificuldade e de consequência. Todos nós fomos surpreendidos por essa onda, eu estava bem posicionado e consegui fazer o clique que tem sido bastante comentado - completou Affonso Dalle.