Coreia do Norte volta a fazer novo disparo e preocupa comunidade internacional

·1 min de leitura

A Coreia do Norte disparou um novo projétil não identificado, sexta-feira (14), de acordo com informações de militares sul-coreanos. Este é o terceiro teste realizado pelo país em uma semana, o que aumenta a preocupação da comunidade internacional.

Segundo o Japão, o artefato, que parece parece ser um míssil balístico, foi lançado pela Coreia do Norte às 14h55 (2h55 no horário de Brasília). De acordo Estado-Maior Conjunto da Coreia do Sul, o projétil seguiu na direção leste.

Apesar das sanções internacionais contra seu arsenal nuclear e armamentos, Pyongyang fez dois testes de supostos mísseis hipersônicos em 5 e 11 de janeiro. Após o segundo teste, supervisionado pessoalmente pelo líder norte-coreano, Kim Jong-un, os Estados Unidos impuseram sanções a cinco pessoas ligadas ao programa de armas balísticas.

Um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Coreia do Norte acusou Washington de "provocar novas tensões" e piorar a situação. Se "os Estados Unidos adotarem uma postura de confrontação, a República Popular Democrática da Coreia será obrigada a ter uma reação mais forte e firme", disse o porta-voz em comentários publicados pela agência oficial de notícias KCNA, nesta sexta, antes do disparo.

Os Estados Unidos vão propor a 14 nações do Conselho de Segurança da ONU a adoção de novas sanções internacionais contra a Coreia do Norte, depois de Pyongyang ter disparado vários mísseis balísticos nas últimas semanas, anunciou a embaixadora americana na ONU, Linda Thomas, nesta quarta-feira (12).

Com informações da AFP)


Leia mais

Leia também:
Coreia do Norte lança projétil balístico horas antes de reunião de Conselho de Segurança da ONU
EUA condenam novos tiros de "provável míssil balístico" da Coreia do Norte
Pandemia e programa nuclear: Kim Jong-un comemora 10 anos no poder na Coreia do Norte

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos