Coronavírus: Brasil tem 13 casos suspeitos, aponta Ministério da Saúde

Foto: AP Photo/Fareed Khan

O Brasil tem 13 casos suspeitos de infecção pelo novo coronavírus. Os dados foram atualizados na tarde desta terça-feira pelo Ministério da Saúde. Os números de casos descartados aumentaram para 16: dois em São Paulo e um no Rio de Janeiro.

Os 13 casos suspeitos do último balanço foram registrados em São Paulo (6), Rio Grande do Sul (4), Santa Catarina (2), Rio de Janeiro (1). Já os 16 descartados são de: São Paulo (5), Rio Grande do Sul (3), Santa Catarina (2), Rio de Janeiro (2), Minas Gerais (1) e Paraná (2) e Ceará (1).

Leia mais sobre o surto do novo Coronavírus

A nova cepa do vírus, identificado como 2019-nCoV, causa febre e problemas respiratórios, e matou 425 pessoas na China e uma nas Filipinas.

O governo federal enviou nesta terça-feira à Câmara dos Deputados um projeto de lei estabelecendo medidas a serem tomadas contra a epidemia do novo coronavírus, entre elas a quarentena de pessoas suspeitas de terem contraído o vírus. O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, também assinou hoje uma portaria decretando emergência de saúde pública no Brasil, mesmo sem casos confirmados.

O texto do PL também autoriza a realização compulsória de exames médicos e de vacinas e a restrição temporária de entrada e saída do país, mas sem deixar claro se essa restrição é de pessoas ou produtos.

O Itamaraty informou nesta terça-feira que a embaixada brasileira em Pequim já notificou oficialmente o governo da China sobre o plano de trazer de volta os brasileiros que estão na região da cidade de Wuhan, epicentro do surto do novo coronavírus.

Números preliminares divulgados na segunda-feira indicam que há 55 brasileiros por lá, dos quais 40 manifestaram interesse de voltar, 14 preferem continuar na China, e um ainda não tinha decidido o que fazer.