Coronavírus: China 'convoca' atletas para retomar futebol, incluindo brasileiros

Diogo Dantas

A Federaçao de Futebol da China convocou os atletas para retomar o futebol no país a partir de abril, depois de conseguir conter a expansão do novo coronavírus.

Entre os jogadores chamados para embarcar de volta estão atletas brasileiros, como o atacante Hulk e o meio-campo Renato Augusto.

Os dois ainda estão no Brasil e são esperados nos seus clubes na próxima semana. Hulk veio a São Paulo e por pouco não treinou no Palmeiras. O seu clube, o Shangai SIPG, requisitou o retorno do ídolo, e não concordou com atividades no clube paulista.

Enquanto isso, Renato Augusto utilizou as instalações do Flamengo até o fechamento do Ninho do Urubu nos últimos dias. O jogador seguiu em sua casa na cidade e fez treinos em casa.

Como a situação da China melhorou, Renato Augusto ficou de falar com o seu clube, o Beijing Guoan, entre esta quinta e sexta-feira, para confirmar a data de retorno.

A temporada 2020 do torneio local por lá deveria ter começado em 22 de fevereiro, mas teve seu início adiado por conta da pandemia.

Além da dupla, outros jogadores como Miranda, Fernandinho, Paulinho e Oscar atuam na China, e vieram para o Brasil após a pandemia.