Coronavírus faz presidente do STF se afastar de Bolsonaro

Carolina Brígido

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, inaugurou nova fase nesta segunda-feira, ao recomendar o isolamento social como forma de reduzir as contaminações pelo coronavírus. Toffoli marcou posição diametralmente oposta à do presidente Jair Bolsonaro. No domingo, Bolsonaro voltou a mostrar ser contra o isolamento dos que podem ficar em casa, ao se encontrar com comerciantes no Distrito Federal.

- Tudo que tem ocorrido no mundo leva a crer na necessidade do isolamento. É para puxar a diminuição de uma curva (de contágio) e ter atendimento de saúde para população em geral - disse Toffoli em uma transmissão ao vivo com o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, que já foi alvo da hostilidade aberta de Bolsonaro no ano passado.

Desde que assumiu a presidência do STF, em setembro de 2018, antes mesmo de Bolsonaro vencer as eleições, Toffoli tem mantido diálogo estreito com o presidente. A posição do ministro tem sido pela governabilidade - seja em discursos ou decisões tomadas na análise de processos. E mesmo com a chegada do coronavírus no Brasil, o presidente do Supremo não tinha ainda recomendado abertamente o isolamento social. Há duas semanas, sediou no tribunal um encontro com ministros da Corte, os presidentes da Câmara e do Senado e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e sugeriu sessões presenciais de julgamento em plenário, mas acabou vencido pela maioria. Agora, Toffoli assume outro discurso - e, dessa forma, deixa Bolsonaro ainda mais isolado na Praça dos Três Poderes.

Para completar o contraponto a Bolsonaro, o ministro aproveitou a transmissão de hoje para elogiar o trabalho da imprensa, outro alvo constante do presidente.

- Não há democracia sem imprensa livre, que possa trazer luz aos fatos e mostrar os fatos. Não há como querer esconder fatos, num Estado Democrático de Direito, nem deturpar fatos. Não há como tomar decisões em cima do que acho, do que penso, mas sim diante do que é a realidade - defendeu.

Compartilhe por WhatsApp: clique aqui e acesse um guia completo sobre o coronavírus.