Coronavírus: mais de mil pessoas morreram na China

O Globo, com agências internacionais

PEQUIM — A comissão de Saúde de Hubei comnicou que nesta terça-feira, que mais 103 pessoas morreram na província, em decorrência do novo coronavírus. No total, mais de mil pessoas foram mortas pela doença causada pelo 2019-nCoV.

As autoridades de Hubei também informaram que novos 2.097 casos da doença foram confirmados no epicentro do coronavírus, ultrapassando os 42 mil infectados em todo o mundo.

O número de casos suspeitos de coronavírus no Brasil caiu para sete, segundo última atualização do Ministério da Saúde. O número de casos descartados aumentou para 32, sendo dois no Rio Grande do Sul, um no Rio de Janeiro e um em Santa Catarina.