Coronavírus: morre o presidente da Federação Boliviana, César Salinas

César Salinas, presidente da Federação Boliviana

O presidente da Federação Boliviana de Futebol, César Salinas, morreu neste domingo, aos 61 anos, vítima do coronavírus. Federações nacionais da América do Sul e clubes bolivianos já manifestaram condolências.

- Minhas condolências aos familiares e amigos de César Salinas, presidente da Federação Boliviana de Futebol. Têm todo o meu apoio nesses momentos duros, minhas orações estão com vocês - publicou a presidente interina da Bolívia, Jeanine Áñez, que há dez dias também foi diagnosticada com Covid-19.

Segundo o jornal "El Deber", o dirigente foi entubado na quinta-feira passada, em decorrência dos problemas para respirar.

O goleiro da seleção boliviana, Carlos Lampe - que teve Covid-19 e se recuperou -, chegou a ir a La Paz para doar uma unidade de plasma hiperimune (OR+), mas não foi suficiente.

- Faleceu César Salinas, amigo, compadre, torcedor e ex-presidente do The Strongest. Minha família lamenta profundamente sua partida - publicou nas redes sociais Wilson Santamaria, vice-ministro de Segurança Cidadã da Bolívia.

Salinas assumiu a Federação Boliviana em 11 de abril de 2018.

A Federação Equatoriana de Futebol usou o Twitter para se manifestar: "Nossas condolências pelo falecimento de César Salinas, presidente da Federação Boliviana. Acompanhamos a sua família e entes queridos neste duro momento".

Nosso objetivo é criar um local seguro e atraente para os usuários se conectarem a interesses e paixões. Para melhorar a experiência de nossa comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários dos artigos.