Coronavírus: Brasil registra seis mortes por covid-19 em dois dias; outras são investigadas

Três mortes de idosos foram confirmadas com relação ao coronavírus e duas são investigadas

Ao menos seis idosos morreram no Brasil em decorrência do novo coronavírus entre segunda e terça-feira (17). Quatro casos foram em São Paulo e dois no Rio de Janeiro — estes foram confirmados na manhã desta quinta-feira (19).

De acordo com a Secretaria Estadual de São Paulo, os quatro idosos que morreram no Estado são homens com idades de 62 a 85 anos. Todos foram atendidos em hospitais privados da Capital, sendo três deles no no Hospital Sancta Maggiore do bairro do Paraíso, na capital paulista — o quarto não teve o local do óbito divulgado pela pasta.

Segundo a operadora de saúde Prevent Senior, responsável pelo Sancta Maggiore, os idosos de 65 e 81 anos estavam internados desde o último domingo no hospítal.

O paciente de 81 anos era morador do município de Jundiaí e os demais de São Paulo. Conforme a Secretaria de Saúde, todos os mortos tinham problemas de saúde, que não foram especificados.

Na tarde de terça-feira (17), enquanto divulgou o primeiro óbito, o governo paulista disse que outras quatro mortes de idosos na mesma rede de hospitais também eram investigadas por suspeita de relação com o coronavírus.

Durante a manhã desta quinta-feira, o Governo do Rio de Janeiro confirmou que uma idosa de 63 anos morreu em decorrência da covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Ela chegou a uma unidade pública de saúde de Miguel Pereira (RJ), onde morava, com sintomas da doença, como febre, tosse forte e problemas respiratórios.

A mulher, diabética e hipertensa, apresentou sintomas no domingo (15). No dia seguinte deu entrada na unidade de saúde, piorou o quadro e morreu na terça-feira. Conforme a Prefeitura do Município, a mulher trabalhava na Capital. A patroa dela teria chegado da Itália e testado positivo para a covid-19.

Pouco após a primeira confirmação, a Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro divulgou que mais uma morte foi confirmada em decorrência do novo coronavírus. Trata-se de um idoso de 69 anos que estava internado em um hospital particular de Niterói e morreu na noite de terça. Ele apresentou quadro de choque séptico e pneumonia.

As apurações iniciais revelam que um enteado dele havia chegado de Nova Iorque (EUA) com teste positivo para o novo coronavírus em 11 de março. Segundo o jornal o Globo, o hospital que atendeu o idoso afirmou que ele, "além da idade, possuía comorbidades que o colocaram no grupo de risco".

O primeiro caso

O primeiro paciente morto em razão do novo coronavírus no Brasil foi um aposentado de 62 anos, que morava em São Paulo (SP).

Ele não tinha histórico de viagem e, segundo a Secretaria de Saúde do Estado, contraiu o vírus por meio de transmissão comunitária — quando não se sabe a origem da infecção.

Ele apresentou os primeiros sintomas no dia 10 de março, foi internado na UTI dia 14 de morreu no dia 16.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

https://www.youtube.com/watch?v=0VGKNzqhX2c

https://www.youtube.com/watch?v=AEk-blLtuzw&t=29s

https://www.youtube.com/watch?v=G1LoovRQQS4&t=311s