CoronaVac é eficaz contra variante brasileira, aponta estudo

O Globo

RIO — Um estudo realizado com 67.718 profissionais de saúde que vivem em Manaus, no Amazonas, apontou que a CoronaVac é eficaz contra a variante P.1 do coronavírus. O levantamento aponta que o imunizante é 50% eficiente para prevenir o adoecimento por Covid-19 14 dias após a primeira dose.