CoronaVac para crianças: Queiroga diz que Saúde aguarda enquanto SP começa vacinação

·2 min de leitura
CoronaVac para crianças: Queiroga diz que Saúde aguarda enquanto SP começa vacinação
CoronaVac para crianças: Queiroga diz que Saúde aguarda enquanto SP começa vacinação (Photo by SERGIO LIMA/AFP via Getty Images)
  • CoronaVac para crianças: Queiroga diz que Saúde aguarda enquanto SP começa vacinação

  • Aprovação do uso do imunizante em crianças e adolescentes aconteceu hoje

  • Pedido inicial do Instituto Butantan era para que a vacina fosse aprovada para crianças a partir dos 3 anos

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou nesta quinta-feira (20), em sua conta oficial no Twitter, que o ministério aguarda o inteiro da decisão da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) que liberou o uso da vacina CoronaVac em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos de idade.

“A Anvisa autorizou o uso emergencial da vacina Coronavac em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos. Todas as vacinas autorizadas pela Anvisa são consideradas para a PNO. Aguardamos o inteiro da decisão e sua publicação no DOU”, escreveu Queiroga.

A aprovação, por unanimidade, aconteceu hoje na segunda reunião extraordinária pública da diretoria colegiada da agência reguladora.

O pedido inicial do Instituto Butantan, fabricante do imunizante, era para que a vacina fosse aprovada para crianças a partir dos 3 anos.

No entanto, a agência regulatória argumentou que ainda necessita de mais dados para aprovar o imunizante nesse público. A vacina também não deverá ser utilizada em crianças imunocomprometidas.

São Paulo

O estado de São Paulo realizou hoje as primeiras aplicações de doses CoronaVac em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos, momentos após a aprovação da Anvisa.

Na capital do estado, o governador, João Doria (PSDB), acompanhou a primeira criança a ser vacinada com a CoronaVac, em cerimônia simbólica realizada na Escola Estadual Brigadeiro Faria Lima. Caetano de Jesus Martins Moreira recebeu o imunizante.

Pouco antes de receber a injeção, o garoto de 9 anos relatou não ter medo da vacina e arrancou risos dos presentes. “É só uma picada”, declarou.

A imunização de Caetano e tantas outras crianças só será possível porque a Anvisa aprovou por unanimidade o uso de CoronaVac em pessoas de 6 a 17 anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos