Coronavírus: Juiz manda Bolsonaro retirar igrejas da lista de serviços essenciais

Foto: SERGIO LIMA/AFP via Getty Images

O juiz federal Manoel Pedro Martins de Castro Filho, da 6ª Vara de Brasília, determinou, que o governo Jair Bolsonaro tome alguma medida para “impedir” que “atividades religiosas de qualquer natureza” permaneçam incluídas entre serviços essenciais para fins de enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do novo coronavírus. A decisão acolhe pedido do Ministério Público Federal. As informações são do jornalista Fausto Macedo, em seu blog no Estado de São Paulo.

De acordo com o magistrado, que determinou a suspensão de trecho do decreto do presidente sobre serviços essenciais, o trecho do texto referente às igrejas "não se coaduna com a gravíssima situação de calamidade pública decorrente da pandemia que impõe a reunião de esforços e sacrifícios coordenados do Poder Público e de toda a sociedade brasileira para garantir, a todos, a efetividade dos direitos fundamentais à vida e à saúde".

A Justiça Federal no Rio de Janeiro já havia decidido de maneira semelhante, mas teve a liminar cassada pelo presidente do Tribunal Regional Federal da 2ª Região. A Procuradoria fluminense recorreu da decisão nesta quinta-feira (02).

Caso o governo queira recorrer da decisão do juiz de Brasília há duas opções: realizar uma reconsideração em primeira instância ou apelar ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Nesta quinta-feira (02), em entrevista à Rádio Jovem Pan, Bolsonaro aproveitou para fazer um aceno aos evangélicos. Ele lembrou ser católico e sua esposa, Michelle Bolsonaro, ser evangélica antes de pedir que a população fizesse jejum para ajudar no combate ao coronavírus.

“Um pedido aqui, um dia de jejum para quem tem fé, em nome de que o Brasil fique livre desse mal [pandemia do novo coronavírus]”, disse ele.

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.