Corpo de neonazista é enterrado em túmulo de judeu na Alemanha

·1 minuto de leitura
Symbolic Memorial Places
Caso aconteceu em cemitério protestante em Berlim, capital da Alemanha (Foto: Getty Images)
  • Corpo de neonazista foi enterrado no túmulo de um judeus, em Berlim, na Alemanha

  • Durante o funeral, lápide do judeu Max Friedlander foi coberto com um véu preto

  • Entre os neonazistas presentes no funeral, muitos são condenados pela Justiça

O corpo de um neonazista foi enterrado no túmulo de um judeu, o musicólogo Max Friedlander. O caso aconteceu em Berlim, na Alemanha, no cemitério protestantes Stahnsdorf. Segundo informações da Agência France Press, a cerimônia aconteceu no último sábado (9) e a determinação de onde o neonazista seria enterrado foi aprovado pela gestão do cemitério.

O homem enterrado era um negacionista do Holocausto, exterminação em massa promovida pela Alemanha nazista que matou 6 milhões de judeus. O neonazista foi cremado e as cinzas dele foram enterradas no mesmo local onde estava a lápide de Max Friedlander, que morreu em 1934.

Leia também:

Vários neonazistas estiverem no local para participar do enterro. Segundo a imprensa alemã, muitos deles já foram condenados pela Justiça. Durante o funeral, a lápide do musicólogo judeu foi escondida por um véu preto.

Reprovação da decisão

O comissário de Berlim para a luta contra o antissemitismo, Samuel Salzborn, prestou queixa por “se perturbar a paz dos mortos”, além de afetar a memória dos falecidos. Ele pediu que a urna do neonazista seja trocada de lugar.

Christian Stablein, bispo da Igreja Evangélica de Berlim-Brandenburgo, também reprovou a decisão e disse que se trataou de um “erro terrível e um acontecimento chocante”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos