Corpus Christi não terá tradicionais tapetes pelo segundo ano consecutivo em São Paulo

·2 minuto de leitura
***FOTO DE ARQUIVO*** SANTANA DE PARNAÍBA, SP, 20.06.2019 - A cidade de Santana de Parnaiba (localizada a 35km da capital paulista) tem 850 metros de tapetes coloridos que comoem a comemoração de Corpus Christi. (Foto: Rivaldo Gomes/Folhapress)
***FOTO DE ARQUIVO*** SANTANA DE PARNAÍBA, SP, 20.06.2019 - A cidade de Santana de Parnaiba (localizada a 35km da capital paulista) tem 850 metros de tapetes coloridos que comoem a comemoração de Corpus Christi. (Foto: Rivaldo Gomes/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Por causa da pandemia do coronavírus, as prefeituras de Santana de Parnaíba e Pirapora do Bom Jesus não vão poder celebrar o feriado católico de Corpus Christi, nesta quinta-feira (3), com os tradicionais tapetes coloridos pelo segundo ano consecutivo. Apesar disso, as cidades preparam uma programação especial para a data.

Em Santana de Parnaíba, serão realizadas duas missas na Igreja Matriz Santa Ana para a celebração da data. A primeira às 9h presidida pelo bispo Dom Vicente Costa e transmitida ao vivo pela página oficial da Prefeitura de Santana de Parnaíba no Facebook. A segunda será às 19h, presidida pelo pároco local, Padre Marcelo Augusto, com transmissão ao vivo na página da Paróquia Santa Ana - Diocese de Jundiaí.

As missas na Igreja Matriz Santa Ana vão contar com número limitado de pessoas presencialmente, que realizaram agendamento prévio até esta quarta-feira (2), seguindo todos os protocolos de segurança contra o coronavírus. Todas as 145 vagas já foram preenchidas nos dois horários.

Além da programação religiosa, os interessados também poderão conferir a partir das 15h, o documentário "A Tradição de Corpus Christi em Santana de Parnaíba" com o artista plástico Alcides Maia, também no Facebook da Prefeitura de Santana de Parnaíba.

Já em Pirapora do Bom Jesus, além da não realização da confecção dos mais de 800 metros de tapetes de Corpus Christi, a Feira Gastronômica não será realizada.

Já a programação religiosa está a cargo do Santuário do Senhor Bom Jesus, que vai realizar quatro missas no dia, às 9h, 11h, 16h e 18h. A missa solene de Corpus Christi será às 16h, conduzida pelo pároco Marcelo Magalhães, e contará com transmissões ao vivo no Facebook e no Youtube do Santuário.

Em cada missa são permitidas até 80 pessoas, com agendamento prévio. Especificamente após a solenidade de Corpus Christi, as mesmas e apenas as pessoas que estiveram na missa farão uma pequena procissão no entorno do local e um grupo do próprio Santuário vai confeccionar um pequeno tapete para a celebração.

O arcebispo de São Paulo, o cardel Dom Odilo Pedro Scherer, encaminhou uma carta com recomendações para igrejas católicas da capital sobre a celebração de Corpus Christi.

"A Solenidade de Corpus Christi permanece no próprio dia 3 de junho (quinta-feira), não sendo transferida para o domingo seguinte. Neste ano, não será feita a celebração 'arquidiocesana' na Sé pela manhã, com procissão, até mesmo porque não será feriado em São Paulo. Fica a critério de cada paróquia fazer as celebrações nas igrejas e, havendo condições, também uma procissão ou outras manifestações eucarísticas, como turnos de adoração nas igrejas ao longo do dia e, talvez à noite, respeitados os critérios litúrgicos e as recomendações sanitárias", escreveu o arcebispo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos