Correção

Atenção, editores (as).

Diferentemente do que constava na matéria "Lira defende punir deputado que incentivou ataque golpista, mas isenta 3 eleitos", publicada hoje, às 11h42, a deputada eleita Clarissa Tércio é do PP, não do PL. A informação foi corrigida, e um novo texto, publicado.