Correção

Título da reportagem indicava incorretamente o número de países cujos viajantes foram autorizados a entrar nos EUA. Na verdade, as exceções se referem ao Brasil e mais 31 países, e não 32. O título já foi corrigido.