Corretora de criptoativos Kraken interromperá operações no Japão

(Reuters) - A corretora de criptoativos Kraken, baseada nos Estados Unidos, disse nesta quarta-feira que encerrará suas operações no Japão no próximo mês, citando as condições atuais do mercado no país e um mercado criptoativos fraco globalmente.

A Kraken disse em comunicado que cancelará o registro na Agência de Serviços Financeiros (JFSA) a partir de 31 de janeiro, quando os clientes teriam que retirar suas participações fiduciárias e em criptomoedas.

A Kraken disse que está totalmente financiada para garantir que os clientes afetados retirem seus ativos em tempo hábil.

No mês passado, a Kraken afirmou que reduziria sua força de trabalho em 30%, ou cerca de 1.100 funcionários, já que as condições do mercado prejudicaram a demanda por ativos digitais.

O bitcoin perdeu 60% de seu valor este ano, enquanto o mercado de criptoativos mais amplo encolheu 1,4 trilhão de dólares, afetado pelo colapso de FTX de Sam Bankman-Fried, Celsius e as supostas 'stablecoins' terraUSD e Luna.

(Reportagem de Rhea Binoy em Bengaluru)