Costa Verde aperta regras até para eventos privados durante réveillon

, Carolina Callegari, Rafael Galdo e Yasmin Setubal
·1 minuto de leitura
Brenno Carvalho

RIO - Quem pensa em pegar a estrada para aproveitar o réveillon na Costa Verde e na Região dos Lagos também pode perder a viagem. Angra dos Reis, Paraty, Búzios e Arraial do Cabo determinaram restrições a quatro dias do Ano Novo para conter o avanço da Covid-19. Queima de fogos, eventos oficiais e celebrações tradicionais, a exemplo da procissão marítima do dia 1º de janeiro em Angra, estão cancelados. E prefeituras como a de Paraty prometem, inclusive, apertar a fiscalização para controlar excessos em festas privadas.

No dia 31 de dezembro, a partir das 17h, só poderão entrar em Paraty turistas com hospedagem comprada e, para evitar aglomerações à beira-mar, não será permitida a contratação de embarcações. Barreiras serão vão impedir a entrada de vans e ônibus de excursões.

Na vizinha Angra dos Reis, foi temporariamente suspenso o turismo day use (quando o visitante permanece apenas um dia no destino). Também haverá barreiras nas vias de acesso à cidade e nos cais de embarque para a Ilha Grande.

LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA