Coutinho pode deixar o Barcelona e voltar à Premier League

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
SEVILLA, SPAIN - DECEMBER 21: Philippe Coutinho of FC Barcelona during the La Liga Santander  match between Sevilla v FC Barcelona at the Estadio Ramon Sanchez Pizjuan on December 21, 2021 in Sevilla Spain (Photo by David S. Bustamante/Soccrates/Getty Images)
Meia brasileiro foi pedido pelo técnico Steven Gerrard, seu ex-companheiro de Liverpool. Foto: (David S. Bustamante/Soccrates/Getty Images)

Sem espaço no Barcelona, o meia Philippe Coutinho pode reencontrar um velho companheiro na Inglaterra. Isso porque o treinador Steven Gerrard, ex-jogador histórico do Liverpool, que atuou com o brasileiro pelos Reds, pediu sua contratação aos dirigentes do Aston Villa.

O clube inglês, então, passou a conversar com o Barcelona sobre as possibilidades de negócio e planeja um pedido de empréstimo junto ao clube espanhol. As informações iniciais são da rádio espanhola Cadena Cope.

Leia também:

Outras equipes que disputam a Premier League chegaram a consultar o Barcelona a respeito da condição de Coutinho, como o Arsenal, por exemplo, mas as negociações não evoluíram. A presença de Gerrard na situação envolvendo o Aston Villa pesa muito a favor do clube inglês e o coloca como favorito a ter o meia brasileiro em seu elenco.

O ex-volante e Coutinho dividiram os vestiários de Anfield por três temporadas, entre os anos de 2012 e 2015, e formaram uma forte amizade. Além do antigo companheiro, outro brasileiro fará parte do cotidiano do jogador do Barcelona. Trata-se do volante Douglas Luiz, também formado nas categorias de base do Arsenal, que atua pelo clube de Birmingham.

Com mais um ano e meio de contrato com o Barça, Coutinho espera para saber se seu contrato será de empréstimo apenas até o final da atual temporada ou se poderá se estender até o final da Copa do Mundo. É discutido, também, o valor a ser estipulado para a opção de compra após o período de cessão.

Xavi Hernández, técnico do Barcelona, comentou sobre a situação do jogador quando perguntado se o clube contrataria atletas nesta janela de transferências: "Não falei com Philippe. Ele é um profissional e nos ajuda. Mas para que haja entradas, deve haver saídas. É uma evidência".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos