Covas suspende rodízio radical e pede antecipação de feriados para "parar" cidade

***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO - SP - BRASIL - 29.04.2020 - VISITA AO HOSPITAL DE CAMPANHA. O governador, João Dória (PSDB), e o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, durante visita técnica ao Hospital de Campanha do ginásio do Ibirapuera. (Foto: Adriano Vizoni/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, anunciou o fim do megarrodízio de veículos na capital paulista a partir desta segunda-feira (18) e um projeto para antecipar os feriados de Corpus Christi e do Dia da Consciência Negra.

"A cidade está chegando ao seu limite de opções", afirmou o prefeito

Ele afirmou ainda que a cidade está perto de um colapso no atendimento. "Precisamos decidir se queremos testar nossos limites ou sermos prudentes e nos mantermos firmes em isolamento social pelo tempo necessário para o sistema de saúde não entrar no colapso", disse o prefeito. "Estamos mais próximos disso do que gostaríamos."

Covas afirmou ainda que a capital não pode decretar lockdown isoladamente.