Covid-19: Israel vacina crianças de 5 a 11 anos

·1 min de leitura

O imunizante utilizado é o da Pfizer BioNTech, mas com dose menor do que a recebida por jovens e adultos a partir dos 12 anos. A campanha de vacinação focada em crianças de 5 a 11 anos, em Israel, começou na noite de segunda-feira (22), na tentativa de evitar uma nova onda de coronavírus no país.

Daniela Kresch, correspondente da RFI em Israel

O primeiro carregamento da vacina infantil chegou a Israel neste domingo (21), após algum adiamento. Mas o primeiro-ministro Naftali Bennett – juntamente com as autoridades médicas israelenses – decidiu que a imunização teria que começar imediatamente.

A vacinação será gratuita e acontecerá nas clínicas dos quatro planos de saúde existentes em Israel – aos quais todos os cidadãos do país pertencem. O Ministério da Saúde também cogita vacinar as crianças nas escolas ou em postos móveis, próximos a atrações infantis.

A imunização não será obrigatória. Os pais poderão decidir se querem imunizar seus filhos ou não, sem temer multas ou outro tipo de retaliação. Mas as crianças vacinadas poderão receber o “Passe verde”, o documento que libera os israelenses para entrar em restaurantes, cinemas, teatros e outros lugares públicos sem precisar fazer testes de Covid-19.

Uma pesquisa de opinião recente revelou que apenas 50% dos pais pretendiam vacinar seus filhos. Agora, com o começo da campanha de vacinação, a expectativa das autoridades é de que mais pais se convençam da importância da imunização.

Transparência

Quinta onda


Leia mais

Leia também:
Terceira dose diminui ritmo de internações na quarta onda de Covid em Israel
Exemplo na luta contra Covid-19, Israel registra alta de casos e tem que retomar medidas sanitárias
Quarta onda de Covid atrapalha festa do Ano Novo judaico em Israel

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos