Covid-19: Japão e Taiwan impõem restrições a passageiros chineses

A decisão de aligeirar a política "Covid Zero", na China está a preocupar os países vizinhos porque o número de casos da doença continua a aumentar.

O Japão tinha já decidido reforçar as restrições relativas a passageiros oriundos da China. Obrigando a que se apresente um teste PCR negativo ou, em caso deste ser positivo se fique em quarentena. Taiwan fará, basicamente, o mesmo. Filipinas e EUA estão considerar tomar medida idêntica.

Pequim decidiu que a quarentena obrigatória para viajantes que cheguem do estrangeiro deixa de estar em vigor a partir de 8 de janeiro. Uma forma de permitir aos chineses voltarem a viajar após quase três anos de severas restrições. Imposições que levaram, recentemente, a manifestações no país, algo que quase nunca acontece.

As férias do Novo Ano Lunar chinês aproximam-se a passos largos, momento de festa na China e Taiwan. Entre 21 e 27 de janeiro milhões de chineses vão viajar dentro e fora do país.