Covid-19: Prefeitura de São Gonçalo estabelece novas medidas de isolamento até 27 de novembro

Extra
·1 minuto de leitura

A prefeitura de São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, estabeleceu novas medidas de isolamento social por conta da pandemia de Covid-19. O decreto publicado no Diário Oficial nesta quinta-feira é válido até o dia 27 de novembro. De acordo com o governo municipal, a decisão foi tomada "em decorrência de mortes já confirmadas e o aumento de pessoas contaminadas", além do "crescimento taxa de ocupação de leitos destinados ao Covid-19".

As novas regras determinam funcionamento com 2/3 da capacidade para diversos estabelecimentos como farmácias e drogarias; hipermercados, supermercados, mercados e centros de abastecimento de alimentos; padarias; pet shops; óticas; barbearias e salões de beleza.

A mesma limitação de capacidade vale para bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimento congêneres, que devem priorizar serviços de entrega e retirada de alimentos no próprio estabelecimento. Nas lojas de conveniência, também é vedada a permanência e a aglomeração de pessoas. Já o funcionamento de shopping centers, centros comerciais e galerias ficará restrito ao horário de 12 horas às 20 horas.

As restrições não se aplicam aos serviços de saúde como: clínicas médicas, odontológicas, oftalmológicas, de vacinação e de fisioterapia e laboratórios de exames clínicos e de imagem.
Para todos os estabelecimentos, a prefeitura determina que é necessário manter distanciamento entre as pessoas, oferecer produtos para a higienização das mãos e a utilização de máscaras.