Covid-19: São Paulo tem mais casos que México, Bélgica e Arábia Saudita

São Paulo ultrapassou os países como México, Bélgica e Arábia Saudita no número total de casos. (Foto: AP Photo/Andre Penner)

O estado de São Paulo já ultrapassou o México, a Bélgica e a Arábia Saudita em relação ao número total de casos de pacientes infectados com o novo coronavírus. O estado tem, até esta segunda-feira (18), 63 mil confirmações de Covid-19, enquanto os três países variam entre 49 mil e 57 mil confirmações da doença.

A informação foi passada, nesta segunda, pelo coordenador do Comitê de Combate ao Novo Coronavírus, o médico Dimas Covas. “O Estado de São Paulo, em número de casos, já tem mais casos que México, Bélgica e Arábia Saudita. Significa ocupamos, enquanto estado, uma posição já entre as nações”, destacou Covas, na coletiva de imprensa realizada no Palácio dos Bandeirantes, com a presença do governador João Doria (PSDB).

Leia também

O México, até esta segunda, tinha 49.219 infectados com Covid; a Bélgica, 55.559 confirmações; e a Arábia Saudita, 57.345 pacientes diagnosticados com a doença, segundo informações do painel de controle da Covid-19, elaborado pela Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Já São Paulo totaliza 63.006 casos confirmados, além de 4.823 óbitos já registrados, um índice aproximado de 7% em mortes. No Brasil, os dados mais atualizados do domingo atestaram 241.080 casos confirmados da Covid-19, e 16.118 óbitos.

Na semana passada, o Brasil saiu da 6ª posição mundial e passou para a 4ª no número de casos confirmados, ao ultrapassar a Itália (225.435 casos), e a Espanha (230.698 casos). Os números nacionais também foram destacados por Dimas Covas.

“Devemos ultrapassar o Reino Unido entre hoje e amanhã, e seremos o terceiro país no número de casos, disputando com a Rússia. Há, inclusive, a possibilidade de irmos para a segunda posição se mantermos as tendências que observamos”, afirmou Covas.

Em número de mortos, o Brasil é o 6º país no mundo, com 16.118 óbitos. “Estávamos em 8º, e agora é o 6º em mortes”, completou o coordenador.

Nosso objetivo é criar um local seguro e atraente para os usuários se conectarem a interesses e paixões. Para melhorar a experiência de nossa comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários dos artigos.