Covid-19: Testes positivos em farmácias têm alta de 326% em maio

Teste de covid-19 (Foto: Getty Images)
Teste de covid-19 (Foto: Getty Images)

O número de testes positivos de covid-19 em farmácias do Brasil subiu 326% em maio. Segundo dados divulgados pela Abrafarma (Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias), foram registrados 31.981 testes positivos em abril. Já em maio, foram 136.117 casos confirmados.

“A procura pelos testes aumentou 109%, mas o contingente de diagnósticos teve incremento de 326%. É um resultado desproporcional e que revela a resiliência da pandemia”, disse Sérgio Mena Barreto, CEO da associação, que reúne as 26 maiores redes de farmácias do país.

“A proximidade com a temporada de inverno, em conjunto com o relaxamento das medidas protetivas, pode agravar ainda mais esse quadro”, acrescentou.

Durante o mês de maio, as 26 redes associadas à entidade aplicaram 549.225 testes. Do total, em 24,78% o resultado foi positivo. Em abril foram 12,17% dos testes.

Quarta dose em SP

Adultos acima dos 50 anos e profissionais da saúde acima de 18 anos já podem receber a segunda dose de reforço da vacina contra covid-19 nesta segunda-feira (6) na cidade de São Paulo.

A capital paulista aumentou o público-alvo após uma nova recomendação do Ministério da Saúde, que publicou uma nota técnica no último sábado (4). No total, são 1,5 milhão de moradores da metrópole aptos a receber o imunizante: 942,8 mil adultos entre 50 e 60 anos e 600 mil profissionais de saúde maiores de 18 anos.

As doses serão aplicadas em Unidades Básicas de Saúde (UBS) e AMA/UBS Integradas. O período é das 7h às 19h. Já os megapostos e drive-thrus funcionam das 8h às 17h. Para receber o reforço, é preciso comprovar que recebeu a terceira dose há pelo menos quatro meses.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos