Covid-19: vacina da Pfizer que previne ômicron e infecções deve ficar pronta em março

·1 min de leitura

O laboratório americano Pfizer espera ter uma vacina contra a Covid-19 adaptada à variante ômicron pronta até março. O anúncio foi feito pelo CEO da empresa, Albert Bourla, nesta segunda-feira(10), em uma entrevista ao canal CNBC. Ele espera que o produto ajude a controlar infecções e lembrou que os imunizantes atuais são eficazes contra hospitalizações e formas graves.

"Não sei se vamos precisar, não sei se será usado ou como, mas estaremos prontos. A fábrica já começou a produzir", disse Albert Bourla. O executivo indicou, no final de novembro, que sua empresa já havia começado a trabalhar em uma nova versão da vacina destinada especificamente a conter a variante ômicron, que já se espalhou em todo o mundo e provoca uma onda de contaminações sem precedentes.

"Esperamos apresentar um produto que proteja mais contra infecções, porque a proteção contra hospitalizações e casos graves é bastante razoável com as vacinas atuais se você recebeu a terceira dose", explicou Bourla nesta segunda-feira. Segundo ele, ainda são necessários mais estudos para determinar se uma quarta dose é necessária, acrescentou.

Alguns países já decidiram adotar o novo reforço, como é o caso de Israel.que realizou um estudo no Hospital Sheba, perto de Tel Aviv. O país começou a administrar a quarta dose para pessoas com imunidade baixa e expandiu essa medida para profissionais de saúde e pessoas com mais de 60 anos.

Pílula contra Covid-19

(Com informações da AFP)


Leia mais

Leia também:
Pfizer se antecipa e já prepara vacina anticovid contra ômicron, diz CEO
Pílula anticovid da Pfizer já pode ser usada na União Europeia, antes mesmo da aprovação oficial
Pílula anticovid da Pfizer tem 89% de eficácia contra hospitalização e morte

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos