Covid: Oito capitais suspendem vacinação por falta de doses

·1 minuto de leitura
Vaccination and testing for Covid19 at the clinical center in Tijuca, Brazil, on July 22, 2021. Covid-19 Brazil passes 547,000 deaths, Brazil recorded 1,412 deaths from the disease in the last 24 hours, according to data from Conass. The moving average of deaths was 1,153. (Photo by Fabio Teixeira/NurPhoto via Getty Images)
Vaccination and testing for Covid19 at the clinical center in Tijuca, Brazil, on July 22, 2021. Covid-19 Brazil passes 547,000 deaths, Brazil recorded 1,412 deaths from the disease in the last 24 hours, according to data from Conass. The moving average of deaths was 1,153. (Photo by Fabio Teixeira/NurPhoto via Getty Images)
  • Oito capitais suspenderam a vacinação contra o coronavírus por falta de doses

  • Rio, Florianópolis, Fortaleza, Maceió, João Pessoa e Campo Grande deixaram de aplicar a primeira dose

  • Salvador e Belém interromperam a segunda dose do imunizante contra a Covid-19

Oito capitais brasileiras interromperam a vacinação contra o coronavírus por falta de imunizantes. Salvador e Belém suspenderam a primeira e segunda doses, e outras seis cidades aplicarão somente a segunda dose neste domingo (25).

Segundo reportagem do portal G1, a primeira aplicação foi suspensa em Maceió, Fortaleza e João Pessoa, na região Nordeste; Rio de Janeiro, no Sudeste; Florianópolis, na região Sul, e Campo Grande; no Centro-Oeste.

Leia também

Na capital baiana, a aplicação já estava suspensa desde sábado. "Para retomar a primeira dose, a Prefeitura aguarda o envio de novas remessas de imunizantes", informou a Prefeitura em suas redes sociais.

Em Belém, a vacinação deve ser retomada somente na próxima quarta (28). A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) disse que aguarda a chegada de novas doses para retomar o calendário de vacinação na próxima semana.

Caso mais imunizantes sejam entregues, será aplicada a segunda dose apenas para pessoas com comorbidades, nascidas de 1962 a 1969, e que receberam a primeira dose da vacina Pfizer, entre os dias 5 e 8 de maio.

Quem estiver com a segunda dose marcada para os dias 28, 29, 30 e 31 de julho pode procurar os postos de vacinação neste dia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos