Covid: SP vai começar vacinação de menores de 5 anos com comorbidades e indígenas

Vacinação de menores de 5 anos contra a covid-19 em SP começará na quarta-feira (Foto: Alexandre Schneider/Getty Images)
Vacinação de menores de 5 anos contra a covid-19 em SP começará na quarta-feira (Foto: Alexandre Schneider/Getty Images)

Na próxima quarta-feira (20), cidade de São Paulo vai começar a vacinar crianças menores de 5 anos contra a covid-19. Os primeiros paulistanos a serem vacinados serão aqueles de 3 e 4 anos com comorbidades (exceto imunossuprimidas), com deficiência permanente (física, sensorial ou intelectual) e também os indígenas desta faixa etária. O público estimado é de 15 mil crianças.

“É uma alegria muito grande ver São Paulo, que é a capital mundial da vacina, avançando na luta contra a Covid-19”, comemorou o secretário municipal da Saúde, Luiz Carlos Zamarco.

Além disso, crianças sem comorbidades ou deficiência permanente poderão se inscrever nas Unidades Básicas de Saúde para receber as doses remanescentes. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a inscrição pode ser feita em unidade próxima à residência ou escola, e os responsáveis devem apresentar documentação com endereço e telefone para convocação.

No total, a cidade de São Paulo tem mais de 313 crianças entre 3 e 4 anos. Para abrir a vacinação para o público em geral, a prefeitura aguarda que o Ministério da Saúde negocie a compra de mais doses da CoronaVac.

Crianças de 5 a 11 anos

Até o momento, na capital, 1.015.723 crianças de 5 a 11 anos receberam a primeira dose contra a Covid-19, com cobertura vacinal de 93,8%, e 789.768 receberam a segunda dose, com cobertura de 72,9%. Entre os adolescentes de 12 a 17 anos, a cobertura vacinal para duas doses está em 105,9%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos