CPTM retoma trem turístico para Paranapiacaba, no ABC, neste domingo (8)

·3 minuto de leitura
*ARQUIVO* SÃOPAULO/SP, BRASIL, 15.07.2021 - movimentação nas linhas 7 e 8 na Estação da Luz no centro da cidade de São Paulo. (Foto. Zanone Fraissat/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃOPAULO/SP, BRASIL, 15.07.2021 - movimentação nas linhas 7 e 8 na Estação da Luz no centro da cidade de São Paulo. (Foto. Zanone Fraissat/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) vai retomar neste domingo (8) as viagens do tradicional Expresso Turístico para Paranapiacaba, no meio da Serra do Mar, em Santo André (ABC), após um período de quase um ano e meio por causa da pandemia de Covid-19.

Segundo a companhia, todos os passageiros com viagens pendentes foram contatados e ainda existem cerca de cem ingressos disponíveis para este domingo. As vendas, entretanto, são apenas para esta primeira viagem da retomada.

Os bilhetes estão sendo vendidos presencialmente na estação Luz (centro de São Paulo), que atende as linhas 7-rubi e 11-coral, de terça a sábado, das 9h às 18h, e no domingo, a partir das 7h, no guichê específico do serviço. O embarque é realizado às 8h30 da plataforma 4 e o retorno de Paranapiacaba, às 16h30.

Para outros fins de semana, as vendas continuam suspensas, com a prioridade para os passageiros que já haviam adquirido ingressos antes do início da quarentena, em março de 2020. Assim, os dias 22 de agosto e 5 e 19 de setembro de 2021 serão reservados apenas às pessoas que compraram o bilhete antes da pandemia e não solicitaram reembolso.

A CPTM prevê que serão necessários 13 passeios para atender as cerca de 1.350 pessoas que ainda possuem passagens válidas, o que significa que precisarão ser feitos embarques adicionais, além dos quatro já previstos. A capacidade total de passageiros em cada uma das viagens será determinada pelo Plano São Paulo de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus do governo estadual.

A CPTM afirma que procurando os passageiros com viagens pendentes. Esse contato respeitará a ordem de embarque inicialmente comprado --por exemplo, as pessoas que tinham viagem marcadas para 15 de março, data suspensão, serão os primeiros a serem contatados, e assim sucessivamente.

Caso não seja possível aceitar a viagem nas datas propostas pela companhia, o bilhete não perderá a validade e o passageiro, se quiser, poderá pedir o reembolso. Não será necessário realizar nenhuma troca de passagens: o mesmo bilhete já adquirido deverá ser apresentado na data do passeio.

A CPTM afirmou que pretende realizar, ainda em 2021, duas viagens do expresso turístico para Jundiaí (58 km de SP) com o objetivo de atender as cerca de 150 pessoas com embarques suspensos por causa da pandemia. Já para Mogi das Cruzes (Grande SP), não existem passagens pendentes.

Desde 2009, a CPTM colocou em atividade o Expresso Turístico, passeios de trem que saem da Luz com destino a Jundiaí, Paranapiacaba e Mogi das Cruzes. Ele é feito em uma locomotiva de 1952, que conduz dois carros de passageiros, fabricados no Brasil nos anos 1960 e que foram totalmente reformados.

São 172 poltronas disponíveis para acomodar os turistas, além de espaço reservado para cadeira de rodas (com cinto de segurança e ancoragem da cadeira).

*

Para mais informações sobre a viagem: https://www.cptm.sp.gov.br/sua-viagem/ExpressoTuristico/Trajetos/Paginas/Trem-Expresso-Paranapiacaba.aspx

E-mail: passageiro@cptm.sp.gov.br

Central de Relacionamento: 0800 055 0121

WhatsApp: (11) 99767 7030

Fonte: Companhia Paulista de Trens Metropolitanos

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos