Crítica: Vídeo erótico de professora escancara a hipocrisia romena

Os primeiros três minutos de “Má sorte no sexo ou pornô acidental” são daquelas provocações ótimas do cinema do diretor romeno Radu Jude. Professora de História numa escola tradicional de Bucareste, Emi (interpretada por Katia Pascariu) começa o filme numa sequência de sexo explícito com seu marido, com direito a closes, palavras sacanas, chicote e muita diversão. É uma ação privada, e ninguém deveria ter nada a ver com isso — nem mesmo o espectador do cinema —, mas o casal resolve fazer um vídeo, a gravação vai parar na internet, os pais dos alunos ficam sabendo e Emi passa a ser o centro de uma trama de hipocrisia.

Crítica: 'Top gun' é filme de ação com ar de viagem nostálgica e pop esperto

Até sexta-feira: 8 shows para aproveitar todos os dias da semana

Para traçar sua crítica a uma sociedade conservadora, corrupta e afeita a teorias da conspiração, o longa de Jude — eleito melhor filme no Festival de Berlim em 2021 — se divide em três partes. A primeira acompanha Emi vagando pela cidade logo após saber que a gravação foi vazada. A câmera se posiciona como observadores do outro lado da calçada, a partir de pontos fixos que não só vigiam Emi, mas também testemunham pequenas infrações cotidianas. Na fila do mercado, uma mulher reclama da demora de outra mais humilde que conta o dinheiro para pagar a conta. Pouco depois, pessoas conversam sobre como furar a fila do transplante de órgãos. Nas ruas, carros estacionam em faixas de pedestre ou em calçadas.

Juntos de novo: David Cronenberg quer juntar Kristen Stewart e Robert Pattinson em um filme

O objetivo do diretor fica ainda mais claro na segunda parte do filme, quando ele enfileira cenas curtas que lembram preconceitos, atrocidades, costumes arcaicos e tudo de ruim que pode ser revelado sobre nosso mundo. Por exemplo, numa dessas cenas a palavra “família” é destacada ao lado de um garoto com as costas feridas e uma legenda informa que seis em cada dez crianças romenas são expostas a violência doméstica.

Ray Liotta: família contratou jatinho particular para transportar o corpo

Chega, então, a terceira parte, em que enfim a Romênia que Jude quer retratar mostra sua cara. Emi é confrontada pelos pais de seus alunos, numa espécie de julgamento em que é xingada, acusada e humilhada. No debate, os pais vão revelando pensamentos machistas, homofóbicos, conspiratórios, egoístas, tudo de ruim possível. Falam sobre patriotismo e sobre enaltecer os heróis nacionais. Um dos mais raivosos é o militar que afirma que o Holocausto foi uma invenção dos judeus. Tudo isso passado durante a pandemia da Covid-19, em que o uso de máscaras e o distanciamento social são ignorados pelos negacionistas.

'Star Wars': tudo o que você precisa saber para assistir aos filmes na ordem certa e entender a saga

O tom cômico do filme se transforma em depressão quando Jude parece nos perguntar quem seríamos nesta história. A pessoa que valoriza a história e só estava se divertindo ou as pessoas que ignoram os fatos e querem impor à força suas certezas fantasiosas?

É uma pergunta bastante atual, e não só na Romênia.

'Má sorte no sexo ou pornô acidental'. Diretor: Radu Jude. Onde: Redes Espaço Itaú, Reserva Cultural, Estação Net e IMS.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos