Criadora e protagonista da série "Girls" Lena Dunham fez um desabafo sobre maternidade: 'Eu sou maior do que meu corpo'

O Globo
·1 minuto de leitura
Reprodução
Reprodução

A badalada criadora da série "Girls" Lena Dunham abriu o coração para falar sobre a pressão pela gravidez e a maternidade. Ela, que há dois anos fez uma cirurgia para remover os ovários por conta de uma endometriose desabafou sobre como teve que entender que jamais seria a mãe biológica de uma criança. "Fertilidade é um tópico complexo, fácil de reduzir a impulsos biológicos desatualizados e fotos de anúncios de bebês", escreveu ela em seu Instagram.

Ela seguiu falando ainda de como os tratamentos para engravidar são privilégios dos mais ricos e como o processo que passou de tentar uma gravidez in vitro a envolveu em um "ódio a mim mesma, vício e medo do desconhecido". Lena comenta ainda sobre como a sociedade imagina um papel quase que obrigatório para as mulheres, como se a única opção fosse ser mãe. "Existem tantas maneiras de ser mãe e ainda mais maneiras de ser mulher. Eu sou maior do que meu corpo acredita", declarou.