Criança e idoso são atingidos por pedra e sinalizador em jogo do Flamengo; veja

RIO - Uma criança e um idoso ficaram feridos após serem atingidos por pedras e cápsulas de sinalizadores arremessados por torcedores da Universidad Católica durante jogo contra o Flamengo pela Libertadores, no Chile, nesta quinta-feira. Na mesma partida, um torcedor da equipe chilena foi flagrado imitando um macaco em direção aos flamengusitas, em mais um episódio de racismo contra clubes brasileiros na competição sul-americana.

Vídeos publicados nas redes sociais mostram um menino rubro-negro chorando e machucado no rosto. O menino, que estava acompanhado pela mãe, foi amparado por funcionários e seguranças que trabalhavam no local.

Um idoso que estava na torcida do Flamengo também foi ferido na cabeça e teve um corte no supercílio. Segundo a jornalista Raisa Simplicio, ele foi atingido por cápsulas de sinalizadores.

De acordo com relatos de flamenguistas presentes no estádio, os torcedores do rival lançaram ainda outros objetos, como garrafas, em direção aos brasileiros.

Em nota, o Flamengo classificou como "lamentáveis" as cenas de racismo e arremesso de pedras, garrafas e sinalizadores. O clube confirmou que uma criança foi ferida e cobrou medidas da Conmebol.

"Não aguentamos mais isso! Medidas severas precisam ser tomadas", disse o Flamengo.

O Rubro-Negro venceu a Universidad Católica por 3x2 pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores e lidera o grupo H com 100% de aproveitamento. Na quarta-feira, a equipe enfrenta o Talleres, da Argentina, às 19h.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos