Criança de 5 anos fica em estado grave após ser baleada durante ação da polícia no RJ

·1 min de leitura
Polícia Federal realizou ação em Rio das Pedras - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Polícia Federal realizou ação em Rio das Pedras - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
  • Operação foi realizada para tentar prender o chefe de uma milícia em Jacarepaguá

  • Uma criança de 5 anos, um homem de 57 e um policial federal foram feridos a balas

  • O garoto está internado em estado grave

Uma criança de apenas 5 anos foi baleada durante ação da Polícia Federal contra milicianos em Rio das Pedras, no Rio de Janeiro, na noite da última terça-feira (21). De acordo com informações da TV Globo, o estado da vítima é grave.

Em nota, a PF negou ter sido responsável pelo disparo que atingiu o garoto no tórax e o atribuiu ao segurança de um miliciano.

Segundo a corporação, uma equipe esteve na comunidade localizada em Jacarepaguá para prender o chefe de uma milícia que atua na região. Durante a ação, porém, os agentes teriam sido atacados.

Ainda de acordo com a versão da PF, nenhum tiro partiu dos policiais. Os agentes teriam socorrido imediatamente o garoto e o encaminhado para o Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca.

Inicialmente, a corporação informou que o estado de saúde da vítima era “estável” e que prestava “toda assistência possível à vítima e sua família”. As informações da manhã dessa quarta (22), porém, dão conta de que o quadro é grave.

Outros feridos

Além do menino de 5 anos, um policial federal e um homem de 57 anos foram baleados durante a operação. O agente foi atingido de raspão no ombro e liberado, enquanto o outro ferido precisou passar por cirurgia. Seu estado não foi revelado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos