Criança de 8 anos morre após cair do 18º andar de prédio

A criança foi visitar o pai, que trabalha na obra (Foto: Reprodução/ NSC TV)

RESUMO DA NOTÍCIA

  • O pai dela trabalha na construção do edifício e levou a família para conhecer a obra

  • A menina corria pelo local quando se desequilibrou e caiu

Aconteceu na manhã desta segunda-feira (21) o enterro da menina Brenda Letícia da Silva, de 8 anos, que caiu do 18º andar de uma construção em Balneário Piçarras, no Litoral Norte catarinense. O acidente aconteceu no início da tarde de domingo quando o pai, que trabalha na obra, levou a família para ver as instalações.

Brenda brincava e corria na cobertura do edifício quando se desequilibrou e caiu. Ela teria caído em um buraco dentro do prédio — a perícia deverá apontar o local exato. A família chegou a socorrê-la e a levou para o pronto atendimento, mas a garota não resistiu aos ferimentos.

Leia também

Criança brincava em terraço de prédio em reforma quando caiu. (Foto: Reprodução)

O pai trabalhava na colocação de pisos no prédio e teria levado a família para visitar o edifício, de acordo com a polícia. Além do pai, estavam no local a mãe da criança, uma cunhada e outra criança, com quem a menina estaria brincando no momento do acidente. O enterro aconteceu no Cemitério Municipal de Balneário Piçarras.

SOROCABA (SP)

Uma menina de 8 anos caiu do 4º andar de um prédio em Sorocaba (SP), na madrugada desta quinta-feira (7). Segundo informações apuradas pelo G1, a tela de proteção da sacada do apartamento estava cortada.

De acordo com o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), a ocorrência foi registrada às 4h36, em um condomínio na Rua João Delgado Hidalgo. O Samu enviou uma ambulância e um caminhão do Corpo de Bombeiros até o local da ocorrência, onde constataram que a criança tinha fraturas nos membros inferiores e traumatismo craniano.

Ainda de acordo com o Samu, ela foi socorrida e encaminhada ao CHS (Conjunto Hospitalar de Sorocaba).

De acordo com informações passadas pela Polícia Militar ao G1, a madrasta da criança disse aos PMs que saiu para levar o marido ao trabalho e quando retornou, cerca de 10 minutos depois, a menina estava caída do lado de fora do prédio. Ainda segundo o relato da mulher, a própria criança teria cortado a tela de proteção com uma tesoura.