Cristiano Ronaldo é chamado a depor por denúncia de estupro

Cristiano Ronaldo durante un partido entre Portugal y Holanda, en Oporto, el 9 de junio de 2019.

O português Cristiano Ronaldo foi convocado para depor em um tribunal de Las Vegas no caso em que é acusado de estupro de uma jovem americana há dez anos, segundo documentos entregues por seus advogados à justiça.

O cinco vezes ganhador da Bola de Ouro é alvo de uma investigação por suposto estupro de Kathryn Mayorga, hoje com 35 anos, que afirma que o atual jogador da Juventus lhe atacou em um hotel de Las Vegas no dia 13 de junho de 2009.

Leia também

Segundo Mayorca, Cristiano Ronaldo forçou a relação sexual após ela se negar a mantê-la.

O procedimento judicial começou em setembro passado, quando a ex-modelo acionou a justiça.

Vários veículos americanos informaram que os advogados de Mayorga tiveram problemas para entregar a Cristiano Ronaldo a citação judicial para comparecer ao tribunal de Las Vegas, como exige a lei de Nevada.

Segundo os documentos entregues nesta sexta-feira pelos advogados de Cristiano Ronaldo, o jogador de 34 anos já foi citado, o que permitirá que o procedimento siga seu curso.

A polícia de Las Vegas havia solicitado às autoridades italianas uma amostra de DNA de Cristiano Ronaldo, uma medida habitual em casos similares.

Siga o Yahoo Esportes: Twitter | Instagram | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter