Cristiano Ronaldo nega rumores sobre ida ao Al-Nassr, da Arábia Saudita

Cristiano Ronaldo segue com futuro indefinido (Foto: ADRIAN DENNIS/AFP)


Após a goleada de Portugal sobre a Suíça por 6 a 1 nesta terça-feira nas quartas de final da Copa do Mundo do Qatar, Cristiano Ronaldo negou que teria um acordo com o Al-Nassr, da Arábia Saudita. O astro declarou que a notícia, inicialmente veiculada pelo "Marca", da Espanha, não é verdadeira.

+ Saiba quando será cada jogo das quartas de final da Copa do Mundo 2022

- Não, não é verdade - declarou o atacante português aos jornalistas na zona mista do Estádio Lusail. Cristiano Ronaldo sequer parou para negar a informação e seguiu caminhando rumo ao vestiário.

CR7 está sem clube desde que o Manchester United rescindiu seu contrato no final de novembro, quando o atacante de 37 anos já estava no Qatar com a delegação da seleção de Portugal para a disputa da Copa do Mundo de 2022.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

A informação do "Marca" afirmava que Cristiano Ronaldo havia aceitado a oferta do Al-Nassr, que seria de 500 milhões de euros por duas temporadas, o que representaria o maior contrato da história do futebol, em termos financeiros.